Posse Responsável:

Posted in Uncategorized por asacatanduva em 25 janeiro, 2009

atcaaaaa2725m6vzclv5kaqeknwxorb0ahgvojbk6zvbm9e3-azh5yx5wv-tu2qkmslnd6ad9x9cdsms7hdba6tia2euajtu9vddg3-v0gldrd0kvhjvbwbmpglgyw

Ao domesticar o cão e o gato, há milhares de anos, o homem tornou-se responsável pelo bem-estar desses animais. Conviver com um bicho de estimação é um privilégio e pode mudar nossa vida para muito melhor. No entanto, alguns cuidados devem ser observados para que essa relação seja realmente harmoniosa e feliz.

 

A superpopulação desses animais é um problema vivido pela maioria dos centros urbanos em todo o mundo; em muitos casos, o triste destino desses animais é o abandono e muito sofrimento. Mudar esse quadro é um dos grandes desafios que se apresentam no século XXI.

 

 

Os Dez Mandamentos da Posse Responsável de Cães e Gatos

1- Antes de adquirir um animal, considere que seu tempo médio de vida é de 12 anos. Pergunte à família se todos estão de acordo, se há recursos necessários para mantê-lo e verifique quem cuidará dele nas férias ou em feriados prolongados.

 

2- Adote animais de abrigos públicos e privados (vacinados e castrados), em vez de comprar por impulso.

 

3- Informe-se sobre as características e necessidades da espécie escolhida – tamanho, peculiaridades, espaço físico.

 

4- Mantenha o seu animal sempre dentro de casa, jamais solto na rua. Para os cães, passeios são fundamentais, mas apenas com coleira/guia e conduzido por quem possa contê-lo.

 

5- Cuide da saúde física do animal. Forneça abrigo, alimento, vacinas e leve-o regularmente ao veterinário. Dê banho, escove e exercite-o regularmente.

 

6- Zele pela saúde psicológica do animal. Dê atenção, carinho e ambiente adequado a ele.

 

7- Eduque o animal, se necessário, por meio de adestramento, mas respeite suas características.

 

8- Recolha e jogue os dejetos (cocô) em local apropriado.

 

9- Identifique o animal com plaqueta e registre-o no Centro de Controle de Zoonoses ou similar, informando-se sobre a legislação do local. Também é recomendável uma identificação permanente (microchip ou tatuagem).

 

10- Evite as crias indesejadas de cães e gatos. Castre os machos e fêmeas. A castração é a única medida definitiva no controle da procriação e não tem contra-indicações.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: